Polícia ainda não têm pistas dos assaltantes da Farmavitor

Na última segunda-feira (16), dois homens encapuzados e fortemente armados, rederam a funcionária da Farmavitor, localizada na Rua Avelino Chaves

farmavitor.jpgNa última segunda-feira (16), dois homens encapuzados e fortemente armados, rederam a funcionária da Farmavitor, localizada na Rua Avelino Chaves. Tudo aconteceu quando a funcionária estava se preparando para fechar o estabelecimento, por volta das 22 horas foi surpreendida por dois homens encapuzados que lhe renderam e desferiram duas coronhadas em sua cabeça, eles levaram em dinheiro 3.000 reais, em seguida montaram em uma bicicleta e se evadiram do local.

A polícia foi acionada, mas os citados fugiram sem deixar rastros, a única maneira de conseguir uma pista para captura dos acusados era o sistema de gravação de imagens instalado no prédio, porém quando o técnico analisou, o sistema não estava funcionado e não gravou a atuação dos assaltantes.

O Delegado Jarlen Alexandre e o Reservado da Polícia Militar estão trabalhando com várias hipóteses, uma delas é que os assaltantes tenham vindo da capital, especialmente para praticarem o assalto e que a bicicleta usada foi somente uma fachada, um carro deveria está esperando os citados em um outro local.
 
policia_tecnica.jpgMesmo assim não se descarta nem uma das possibilidades, as investigações continuam, a Polícia Técnica esteve por volta das 12 horas no local colhendo material digital dos acusados.

 
 
 
Ronaldo Duarte


Deixe seu comentário

comentários



Deixe uma resposta