Mesmo com chuvas, rio Iaco apresenta vazante em Sena Madureira

Por enquanto, a situação em Sena Madureira é extremamente tranquila

Edinaldo Gomes, do Senaonline.net

A coordenação da Defesa Civil Municipal de Sena Madureira confirmou mais um sinal de vazante no volume das águas do rio Iaco. Nesta terça-feira, 8, por volta das 6 horas da manhã, o nível estava em 8,09 metros. Já às 15 horas havia declinado para 7,93 metros.

Por enquanto, a situação em Sena Madureira é extremamente tranquila, visto que, a cota de alerta é de 14 metros. A bem da verdade, as famílias só começam a sair de suas casas quando o manancial atinge a cota de transbordamento que é de 15,20 metros.

De acordo com Carlos Dávila, representante da Defesa Civil em Sena, a situação de 2019 é bem semelhante à ocorrida no ano passado nesse mesmo período. “Em 2018, por essa mesma época, o nível estava nesse mesmo patamar”, salientou.

Mesmo assim, ele adianta que tanto a Defesa Civil quanto os demais órgãos permanecem de prontidão. “Sabemos que a natureza é imprevisível, além disso, nos meses de fevereiro e março chove bastante, então precisamos ficar em alerta. Vamos pedir a Deus que não ocorra alagação, pois, os prejuízos são muito grandes”, enfatizou.

Em 1997, segundo reza a história, Sena Madureira enfrentou a maior enchente dos últimos tempos, com o registro de centenas de famílias desabrigadas. 15 anos depois, ou seja, em 2012, o avanço das águas do Iaco também atingiu inúmeras famílias.

Deixe seu comentário

comentários