Luto: Morre Diego Maradona

O camisa 10 e eterno ídolo da história do futebol Argentino, Diego Maradona faleceu nesta quarta-feira, aos 60 anos

Por Aline RochaO camisa 10 e eterno ídolo da história do futebol Argentino, Diego Maradona faleceu nesta quarta-feira, aos 60 anos, vítima de uma parada cardiorrespiratória.

De acordo com o jornal argentino Clarín, a morte de Diego Maradona, ocorreu em sua casa em “El Tigre”, região metropolitana de Buenos Aires. Segundo o portal, o astro sofreu um mal súbito em casa, na manhã de hoje. Ambulâncias foram acionadas para sua casa mas ele veio à óbito ainda no local.

Maradona vinha enfrentando diversos problemas de saúde. Em 9 de novembro deste ano o ex-jogador foi internado por causa de um hematoma no cérebro. Ele foi submetido a uma cirurgia de 1h20 no dia seguinte. Recebendo alta dois dias depois, ele seguiu para uma clínica de reabilitação para auxiliar na sua reabilitação da dependência de álcool e remédios.

O plano dos médicos era de mudar Maradona para uma casa em condomínio fechado localizado ao norte da capital argentina, perto de onde residem suas filhas mais velhas, Dalma e Giannina. Os médicos já mostravam preocupação, apesar de o tratamento ser considerado simples, com as condições de saúde do astro argentino.

Campeão mundial com a Argentina em 1986, Maradona teve sua carreira marcada pela genialidade em campo e pelas polêmicas fora dele. O camisa 10 defendeu a seleção em 91 jogos, atuando em quatro Copas do Mundo: 1982, 1986, 1990 e 1994. No Mundial dos Estados Unidos, viveu um dos piores momentos de sua trajetória, quando foi pego no exame antidoping ainda na primeira fase da competição.

O uso de drogas, principalmente cocaína, o levou a abandonar definitivamente a carreira após teste ter detectado, pela segunda vez, uso de cocaína. Maradona passou por algumas internações e idas ao hospital, muitas delas em função de problemas causados pelo vício.

Deixe seu comentário

comentários