Josandro Cavalcante entrega moção a viúva do ex-governador Orleir Cameli

Na Segunda Sessão Solene realizada nesta terça-feira (28), na Câmara Municipal, o vereador Josandro Cavalcante apresentou uma Moção de Reconhecimento Pós Morte (In memoriam) ao ex-governador do Estado do Acre...

Da redação do senaonline.net

Na Segunda Sessão Solene realizada nesta terça-feira (28), na Câmara Municipal, o vereador Josandro Cavalcante apresentou uma Moção de Reconhecimento Pós Morte (In memoriam) ao ex-governador do Estado do Acre Orleir Cameli pelos relevantes trabalhos efetuados pelo saudoso parlamentar em todos os municípios do Acre, em especial em Sena Madureira. A moção foi entregue a Beatriz Cameli viúva do ex-governador, que esteve apresentando na sessão o trabalho social que ela desenvolve junto a Fazenda da Esperança que atua no acolhimento de recuperação de pessoas com dependência química e alcoólica.

Em meio às homenagens Josandro Cavalcante destacou os vários trabalhos deixados por Orleir Cameli. “Quero aqui destacar que a moção proposta por mim foi aprovada nesta casa por unanimidade ainda no ano passado. A Beatriz não estava com agenda disponível naquele momento, hoje estamos entregando esta moção, uma forma de reconhecimento por tudo aquilo que Orleir fez em vida a Sena Madureira quando ele deu o ponta pé inicial da integração, tirando a nossa cidade do isolamento e a ligando a capital do Estado por meio da pavimentação da BR 364. E reconstruindo a cidade de Sena Madureira após a grande alagação de 1997. Por tudo isso e por tantas outros benéficos deixados a nossa comunidade e que permitimos esta justa homenagem. ”Destacou.

Ainda na Sessão Solene os vereadores Jacamim, Ney Areal e Railton Ramos destacaram os relevantes serviços que o ex-governador Orleir Cameli desenvolveu em pró da comunidade de Sena Madureira. Este é um momento único, uma oportunidade de destacar o quanto foi importante o trabalho realizado por Orleir Cameli. “Nosso momento é de reconhecimento a este político que deixou um grande legado a todo povo acriano”. Acrescentou Jacamim.

 

Deixe seu comentário

comentários