Investimentos viabilizam distribuição de água sem interrupção para bairros da capital

O Governo do Acre, por meio do Departamento Estadual de Água e Saneamento

Cleide Elizabeth-Agencia
O Governo do Acre, por meio do Departamento Estadual de Água e Saneamento (Depasa), divulgou esta semana a execução do plano de trabalho para distribuição de água todos os dias, 24 horas, aos bairros da capital acreana.

O sistema de distribuição sem interrupções já opera em fase de teste para alguns bairros da Baixada da Sobral e Universitário, uma área que hoje corresponde a cerca de 25% da rede interligada de Rio Branco. A meta é que, até outubro deste ano, 50% dos domicílios da capital já estejam recebendo água todos os dias, 24 horas por dia.

A primeira medida para alcançar esse objetivo foi aumentar a captação. Ainda em 2019, investimentos na melhoria do sistema permitiram ampliar a captação da ETA II em 200 litros/segundo. “Isso nos deu um fôlego para iniciarmos a execução do projeto para levar água 24 horas para toda Rio Branco”, destacou o diretor-presidente do Depasa, Zenil Chaves. Além dos investimentos em ampliação e melhorias, manutenções preventivas e corretivas têm viabilizado a distribuição de água aos bairros de Rio Branco.

No Universitário, a execução do Programa de Regularização de Débito (Regularize) foi fundamental para a viabilização das ações de ampliação e melhorias do sistema de distribuição que hoje leva água 24h para a região. “Nosso objetivo é beneficiar também outros bairros que já contribuem com o sistema, mantendo seu cadastro ativo, pagando sua conta em dia, mantendo situação regular com a concessionária dos serviços de água e esgotamento sanitário”, informou Zenil.

Com as campanhas realizadas, muitos usuários buscaram o Depasa para regularizar seu débito. O desperdício e inadimplência ainda são os maiores empecilhos para viabilizar ações de ampliação e melhorias do sistema de água na capital e interior. “Precisamos ainda melhorar muito a nossa arrecadação.

Para isso, continuamos oferecendo aos usuários a possibilidade de regularizar sua dívida, pagando seu débito em condições especiais”, lembrou o presidente do Depasa.

Desperdício e Inadimplência
Ainda de acordo com o gestor da concessionária dos serviços de água e esgoto, pior que a inadimplência é o desperdício. Embora haja campanhas educativas e todo esforço para levar água 24 horas aos bairros, o desperdício só aumenta, inclusive nos locais que já vêm recebendo água 24 horas. “É grande ainda nossa dificuldade em fazer chegar água no final da rede porque muitos usuários ainda não têm bóia nas suas caixas.

Com frequência, representantes de bairro acionam a equipe do Depasa para conter o desperdício de pessoas que deixar derramar água por 8 e até 11 horas de abastecimento, prejudicando pelo menos 8 famílias”, lamentou Zenil, ao pedir o apoio da população para manter o bom funcionamento do sistema.

Deixe seu comentário

comentários