Gehlen Diniz destaca posse de novos professores da rede estadual

Para o progressista, a posse dos professores demonstra o compromisso do governador Gladson Cameli (PP) com o setor educacional

Na sessão desta terça-feira (1), o líder do governo na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Gehlen Diniz (PP) destacou a posse dos novos professores da rede estadual aprovados no último concurso da Educação do Estado. A cerimônia de posse aconteceu no dia 25 de setembro no auditório da Secretaria de Educação Cultura e Esportes (SEE).

Para o progressista, a posse dos professores demonstra o compromisso do governador Gladson Cameli (PP) com o setor educacional do Acre. “Essa é mais uma prova de que o governador está de fato empenhado em resolver os problemas do Estado. São profissionais que de agora em diante terão a instabilidade que todo servidor público tem, poderão de fato exercer suas funções sem nenhum tipo de interrupção”, disse.

O governista destacou ainda que só em Rio Branco, 110 professores das zonas rural e urbana passam a integrar o quadro da rede estadual. No total, incluindo os demais municípios, 191 professores tomaram posse.

O parlamentar também esclareceu algumas dúvidas que sugiram no setor de Saúde do Estado referente a um Projeto de Lei de autoria do Executivo que trata da criação do “Instituto de Saúde do Acre”. “Quero deixar claro que não chegou nesta casa nenhum PL neste sentido, acho importante frisar isso. O pânico gerado no setor foi em razão de informações erradas. Mas eu asseguro que no momento que chegar qualquer matéria dessa natureza todos os parlamentares serão notificados”, explicou.

Na explicação pessoal, o deputado retornou à tribuna para apresentar uma indicação solicitando da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana (Seinfra), a revitalização do Ginásio Poliesportivo de Santa Rosa do Purus.

O governista destacou ainda o pagamento do prêmio de Valorização de Desempenho Profissional (VDP) aos profissionais da educação estadual, realizado pelo governo do Estado. O pagamento é referente ao ano de 2018.

Diniz também informou que a Lei Orçamentaria Anual (LOA) e o Plano Plurianual (PPA), ambos encaminhados à Aleac pelo Poder Executivo no dia 27 de setembro, serão retirados da pauta de votação para uma breve revisão em razão do não envio formal das propostas de planejamento e orçamento por parte de alguns poderes.

Texto: Mircléia Magalhães
Revisão: Suzame Freitas
Foto: Raimundo Afonso
Agência Aleac

 

Deixe seu comentário

comentários