Caiu na malha: Quatro aparelhos celulares são apreendidos no presídio de Sena

Essa foi a segunda apreensão realizada no presídio de Sena Madureira em menos de 24 horas

Edinaldo Gomes, para o Senaonline.net

Policiais penais que atuam no presídio Evaristo de Moraes, em Sena Madureira, conseguiram evitar que materiais ilícitos fossem parar nas mãos dos reeducandos. Na manhã desta segunda-feira, 10, foram apreendidos 04 aparelhos celulares, 03 baterias e 02 carregadores.

Segundo consta, os objetos foram deixados no ‘pé da muralha’ do lado de fora, mas a estratégia seria lançá-los dentro da unidade.

Essa foi a segunda apreensão realizada no presídio de Sena Madureira em menos de 24 horas, demonstrando que os infratores que estão em liberdade não vem dando trégua à fiscalização.

Por lei, é terminantemente proibido o uso de celulares por parte dos detentos. Isso está expresso na LEP (Lei de Execuções Penais).

Um dos policiais que optou por não se identificar, confirmou que o celular é uma arma perigosíssima nas mãos dos reeducandos, visto que, através desse meio de comunicação eles podem até mesmo ordenar execuções.

Deixe seu comentário

comentários