Bombeiros rompem mais de 300 quilômetros para socorrer mulher na zona rural de Sena

Todo o trajeto foi feito pelo ramal Linha seca

Edinaldo Gomes, da Redação do Jornal Difusora

Uma equipe do Corpo de Bombeiros de Sena Madureira foi acionada na manhã de sábado (4), para prestar socorro a uma moradora do rio macauã que estava passando mal em razão de vários problemas de saúde. Como nesta época do ano o rio Macauã não oferece condições favoráveis para a navegação, os Bombeiros tiveram que percorrer mais de 300 quilômetros de ramais (ida e volta) para completar a missão.

Todo o trajeto foi feito pelo ramal Linha seca. Até às proximidades da comunidade Lua Nova, onde a moradora Elizabeth de Melo se encontrava são 157 quilômetros. “Durante toda a viagem a equipe vinha monitorando os batimentos cardíacos da mesma bem como sua pressão arterial, temperatura e prestando todo o suporte possível. Por várias vezes, ela se queixava de enjoos, dores no peito e mal-estar, mas a missão foi cumprida com êxito”, informou o Sargento C. Queiróz.

A equipe saiu da zona urbana de Sena Madureira em uma viatura durante o dia e só conseguiu chegar no Pronto Socorro do Hospital João Câncio Fernandes por volta das 00:30 horas, ou seja, no começo da madrugada de domingo.

Segundo consta, há anos a moradora foi diagnosticada com cardiopatia e hipertensão arterial, por isso, no sábado sentiu-se muito mal, sendo preciso o resgate até o Hospital de Sena.

Deixe seu comentário

comentários