Acusado de tentativa de homicídio é condenado a 14 anos e 7 meses de prisão, em Sena Madureira

O juiz Fábio Farias determinou que a pena seja cumprida inicialmente em regime fechado

Edinaldo Gomes, para o Senaonline.net

Em julgamento realizado nesta quinta-feira (17), no Fórum Desembargador Vieira Ferreira, em Sena Madureira, o nacional Vanderley Lira da Silva foi condenado a 14 anos e 7 meses de prisão. Ele sentou-se no banco dos réus acusado de tentar matar a golpes de faca Genival Oton Gomes da Rocha.

Na sentença, o juiz de direito Fábio Farias, estabeleceu que a pena será cumprida inicialmente em regime fechado, negando ao réu o direito de recorrer em liberdade.

A sentença discorre, ainda, que Vanderley “agiu por motivo fútil e empregou recurso que dificultou a defesa da vítima”. Além disso, ficou comprovado que as circunstâncias do crime foram graves, visto que, a tentativa de morte foi praticada na calada da noite, em local ermo da zona rural e quando estavam presentes apenas vítima e esposa, fatores a demonstrar um maior ímpeto de impunidade.

De acordo com o que foi apurado, Genival ficou internado por quase uma semana em decorrência dos golpes, bem como ficou impossibilitado de trabalhar por mais de um mês, dependendo de terceiros para a garantia de sua subsistência e de seus familiares.

O crime em questão ocorreu na região do Cassirian, BR-364, sentido Sena Madureira a Rio Branco.

Esse foi o terceiro julgamento promovido pela justiça de Sena Madureira. Em todos eles, os réus foram condenados, evidenciando que a justiça local e a comunidade não têm sido complacente com quem pratica crimes.

Deixe seu comentário

comentários